CPV018 – Dirley Fernandes – Cúpula da Cachaça

E na prosa de hoje vocês vão conhecer o IV Ranking Cúpula da Cachaça, safra 2020. Pra isso eu trouxe pra mesa do Cachaça, Prosa & Viola o cúpulo Dirley Fernandes e o especialista Marcel Rates. Vai assuntando…


Cúpula da Cachaça


Doze profissionais de diferentes formações e uma paixão em comum: o destilado nacional brasileiro. Nossa missão é valorizar esse patrimônio do nosso país e ajudá-lo a conquistar o mundo.


Site: cupuladacachaca.com.br

Dirley Fernandes


Dirley Fernandes é jornalista especializado em cultura, história e economia, além de documentarista, escritor e editor. Em mais de 20 anos de atividade profissional, passou pelas redações das revistas Caras, Manchete, Conhecer, Seleções e História Viva e por jornais como O DIA, Extra, Jornal do Brasil e Jornal do Commercio. Edita a coleção de livros História Viva, da editora Ediouro, e é autor de O que você sabe sobre a África? (Ed. Nova Fronteira, 2016).

Seu caso com a cachaça tornou-se mais sério a partir de 2007, quando aceitou o desafio de pesquisar, roteirizar e dirigir um documentário sobre a marvada. Daí nasceu Devotos da Cachaça (2010), documentário em média-metragem que tem como base a obra do antropólogo e folclorista Câmara Cascudo.

Em 2012, Dirley Fernandes fundou, com um grupo de especialistas que militava de forma desarticulada pela valorização do destilado brasileiro, a Cúpula da Cachaça, responsável por uma série de iniciativas que levaram visibilidade ao setor. Foi coidealizador do Ranking Cúpula da Cachaça, o mais importante do mercado, que envolveu, em 2016, mais de 24 mil pessoas em votação popular, rendeu cerca de 400 matérias em veículos de 18 estados e no exterior e foi chamada de capa no jornal O Estado de S. Paulo. Criou o primeiro blog sobre cachaças hospedado num grande jornal (O DIA) e a primeira coluna exclusivamente sobre cachaça numa revista de gastronomia (Gula). É editor da Cachaça em Revista, publicação anual da Cúpula da Cachaça, composta de artigos de especialistas no tema.


Site: devotosdacachaca.com.br

Redes Sociais: Instagram | Facebook | Twitter

Resultado oficial do IV Ranking Cúpula da Cachaça


A Cúpula da Cachaça tem o prazer de anunciar o resultado oficial do IV Ranking Cúpula da Cachaça. O concurso teve início há exatos seis meses, no dia 13 de setembro do ano passado, e, mais uma vez, mobilizou o mercado e apreciadores do nosso destilado ao longo de suas três fases.

Entre as 50 finalistas dessa quarta edição do Ranking estiveram representados 11 estados, comprovando o incremento cada vez maior da produção de cachaça de alto nível por todo o país.


Na categoria Branca (Inox), a primeira colocada foi a Cachaça Tiê, de Aiuruoca (MG).


Na categoria Armazenadas/Envelhecidas, com 31 competidores, o primeiro lugar ficou com a Leblon Signature Merlet, de Patos (MG).


E na categoria Premium/Extra Premium, que compreende apenas as bebidas compostas por 100% de cachaça envelhecida em barris de até 700 litros por pelo menos um ano, o primeiro lugar ficou com a Companheira Envelhecida 8 Anos, de Jandaia do Sul (PR).


Como foi a cachaça que recebeu a maior pontuação entre todas as concorrentes – 90,63 pontos –, a Companheira também leva para o Paraná o título de Cachaça do Ano.


A degustação às cegas – última fase do concurso – ocorreu na Cachaçaria Macaúva, em Analândia (SP) na sexta-feira e no sábado passados (5/3 e 6/3). Após as degustações, o resultado passou por um tratamento estatístico, eliminando eventuais disparidades.


As cachaças foram identificadas unicamente com um número aleatório e foram avaliadas pelo visual, aromas, sabores e personalidade.


Antes de chegar à fase final e ao resultado do Ranking Cúpula da Cachaça, o concurso passou por duas fases. Na primeira, 33 mil eleitores escolheram, em votação aberta ao público em geral, entre todas as cachaças legalizadas à venda no mercado, as 250 Cachaças Mais Queridas do Brasil.


A seguir, essas cachaças foram filtradas por um painel de 52 especialistas, que definiram as finalistas.


Queremos agradecer às marcas participantes e suas equipes, aos especialistas da segunda fase e aos nossos apoiadores – Solution Comercial, Chalé Macaúva e Paladar Estadão.


Em setembro de 2021, terá início o V Ranking Cúpula da Cachaça.

IV Ranking Cúpula da Cachaça 2020-2021


Categoria Inox

1º – Tiê Prata – Aiuruoca/MG – 72,74 pontos 2º – Bem Me Quer Prata – Pitangui/MG – 69,89 pontos 3º – Sanhaçu Origem – Chã Grande/PE – 69,33 pontos 4º – Colombina Cristal – Alvinópolis/MG – 69,21 pontos 5º – Século XVIII (Rótulo Azul) – Cel. Xavier Chaves/MG – 68,79 pontos 6º – Santo Grau Coronel Xavier Chaves – Cel. Xavier Chaves/MG – 68,71 pontos 7º – Caialua Prata – Formosa/GO – 68,65 pontos 8º – Princesa Isabel Prata – Linhares/ES – 66,50 pontos

Categoria Armazenada/Envelhecida

1º – Leblon Signature Merlet – Patos de Minas/MG – 85,74 pontos 2º – Middas Reserva dos Proprietários – Adamantina/SP – 84,46 pontos 3º – Do Anjo – Santa Rita de Caldas/MG – 83,28 pontos 4º – Canarinha – Salinas/MG – 83,25 pontos 5º – Mineiriana Envelhecida Carvalho – Itabira/MG – 82,34 pontos 6º – Leandro Batista – Ivoti/RS – 81,58 pontos 7º – Weber Haus 7 Madeiras – Ivoti/RS – 81,29 pontos 8º – Amada Grápia – Dias D’Ávila/BA – 80,84 pontos 9º – Dom Bré Amburana – Guarani/MG – 80,76 pontos 10º – Unna – Salinas/MG – 80,67 pontos 11º – Pardin 3 Madeiras – Natividade da Serra/SP – 80,60 pontos 12º – Anisio Santiago / Havana – Salinas/MG – 79,50 pontos 13º – 1000 Montes 3AOB – Faria Lemos/MG – 79,41 pontos 14º – Princesa Isabel Ouro – Linhares/ES – 79,26 pontos 15º – Claudionor – Januária/MG – 79,02 pontos 16º – Bem Me Quer Ouro – Pitangui/MG – 77,50 pontos 17º – Volúpia Diamante – Alagoa Grande/PB – 77,24 pontos 18º – Matriarca Jaqueira – Caravelas/BA – 76,21 pontos 19º – Sebastiana Castanheira – Américo Brasiliense/SP – 75,54 pontos 20º – Mato Dentro Prata – São Luiz do Paraitinga/SP – 75,42 pontos 21º – Matriarca Blend 4 Madeiras – Caravelas/BA – 75,26 pontos 22º – Gogó da Ema Sublime – São Sebastião/AL – 74,66 pontos 23º – Colombina 10 Anos – Alvinópolis/MG – 74,29 pontos 24º – Wiba! Blend de Carvalhos – Torre de Pedra/SP – 74,05 pontos 25º – Soledade Ipê – Nova Friburgo/RJ – 73,71 pontos 26º – Werneck Reserva Especial – Rio das Flores/RJ – 70,91 pontos 27º – Sanhaçu Freijó – Chã Grande/PE – 70,37 pontos 28º – Engenho São Luiz Amendoim – Lençóis Paulista/SP – 69,48 pontos 29º – Coqueiro Prata – Paraty/RJ – 66,39 pontos 30º – Santo Grau P.X. – Itirapuã/SP – 60,13 pontos 31º – Princesa Isabel Aquarela – Linhares/ES – 59,35 pontos

Categoria Premium/Extra Premium

1º – Companheira Envelhecida 8 Anos – Jandaia do Sul/PR – 90,63 pontos 2º – Caraçuipe Extra Premium – Campo Grande/AL – 90,09 pontos 3º – Sapucaia 18 Anos – Pirassununga/SP – 85,47 pontos 4º – Dom Bré Extra Premium Carvalho – Guarani/MG – 85,07 pontos 5º – Casa Bucco Extra Premium – Bento Gonçalves/RS – 82,80 pontos 6º – Magnífica Reserva Soleira – Miguel Pereira/RJ – 82,18 pontos 7º – Vecchio Albano Extra Premium – Torrinha/SP – 82,00 pontos 8º – Sebastiana Carvalho Single Barrel – Américo Brasiliense/SP – 80,98 pontos 9º – Engenho São Luiz Extra Premium – Lençóis Paulista/SP – 80,36 pontos 10º – Sebastiana 2 Barricas – Américo Brasiliense/SP – 78,17 pontos 11º – Weber Haus Extra Premium 6 Anos – Ivoti/RS – 73,39 pontos

Selo do Ranking


Esse ano, pela primeira vez, o Ranking Cúpula da Cachaça terá um selo oficial que poderá ser usado pelas 50 cachaças finalistas.


O selo, nas cores ouro e negro, foi desenhado pelo desgner Sidney Ferreira, editor de arte da Cachaça em Revista, a publicação anual da Cúpula da Cachaça, que terá sua oitava edição lançada em junho próximo.


Fonte: blog cúpula da cachaça


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo