CPV037 - Carlinhos Lira - Cachaça Bola de Ouro

E hoje a prosa é com Carlinhos Lira, um paraibano, militante da cachaça, residente na capital federal, mas de malas prontas pra voltar pra Paraíba. Além disso ele é o responsável pela criação das cachaças Bola de Prata e Bola de Ouro, produzidas em São Sebastião, no agreste alagoano, pela turma do Alambique Gogó da Ema. Vai assuntando!


As cachaças Bola de Prata e Bola de Ouro são produzidas em São Sebastião, nas Alagoas, pelo alambique Gogó da Ema. As garrafas usadas por ambas as bebidas são a tradicionalíssima âmbar, de 600 ml, mas com rolha de plástico, coerente com a proposta de não encarecer o produto. Os rótulos são bacanas. Unindo futebol e cachaça, com design engenhoso, são populares sem serem popularescos ou apelarem para o kitsch ou o jocoso. Golaço!


Redes Sociais: Instagram | Facebook



Bola de Ouro


A Cachaça Bola de Ouro é um blend de cachaças de umburana, jequitibá rosa e bálsamo. Com essa composição muito bem pensada, ela cai no copo com uma cor palha clara simpática e deixa lágrimas consistentes nas paredes.


No aroma, a umburana predomina, dando um ar doce de engenho, de fruta madura – banana, cajá, carambola… O herbal desponta na sequência, por artes do bálsamo, em um registro muito confortável e bastante intenso.

Na boca, a dulçor é a marca mais forte, especialmente ao primeiro gole. A preocupação de ser uma bebida com boa drinkability – a capacidade de se fazer apreciável por um público amplo – é perceptível. O álcool é bem leve (40%). Mas há um bom equilíbrio: a acidez é pouca, mas está ali; o picante marca presença no final. E à medida que os tragos vão se sucedendo, os encantos do blend ficam mais aparentes, com a presença das especiarias temperando a experiência.


É uma bebida com sotaque levemente agreste, com reminiscências da origem nordestina. E sem sombra de dúvida uma boa cachaça, ao nível de rótulos com duas ou mais vezes o seu preço.

Bola de Prata


O aroma, por exemplo: fresco, herbal… daqueles que dominam o ambiente. Trata-se de um blend de cachaças armazenadas em inox e em jequitibá. Na boca, poderia ser um pouco menos doce. Mas é uma cachaça que se presta, sobretudo, a ser fácil de beber. E bate um bolão nessa função, com um toque mineral interessante. É cachaça que pode atingir o coração de quem tem sensibilidade exacerbada para teores alcoólicos mais fortes e por isso comete o desatino de enjeitar nosso destilado quando lhe é oferecido.


DRINK GOL DE PLACA


Ingredientes:


· 50ml de cachaça Bola de Ouro;

· 50ml de suco de caju;

· 50ml de licor de morango;

· 100ml de refrigerante cítrico

· Cubos de gelo


Modo de Preparo:


Em uma coqueteleira, junte o suco de caju, o licor de morango e a cachaça e bata para misturá-los bem. Em seguida, passe o conteúdo da coqueteleira para um copo longo, já com o gelo e finalize com o refrigerante para deixar a bebida mais suave.



cpv-bg-004.png
logo-padrim.png

A partir de R$1,99 você já pode apoiar!

É muito mais barato que uma dose de cachaça

no Botecão do Assis.

cartinhas

Elogios,

Sugestões, Críticas?

Envie uma cartinha 

telegram

Faça parte do nosso grupo de ouvintes no Telegram

ITUNES

Deixe 5 Estrelas no iTunes e também um breve comentário

Conheça nossos parceiros

Audio.ad.png

Conectando as marcas com seus consumidores

através do poder do áudio digital.

Inscreva-se pra receber novidades

  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
  • Twitter ícone social
  • YouTube ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • Twitch
  • TikTok

© 2020 Cachaça, Prosa & Viola

Taguatinga, Brasília, DF, Brasil

email: contato@cachacaprosaeviola.com.br